Obesidade pode diminuir a eficácia do anticoncepcional?

A gravidez indesejada é especialmente preocupante em mulheres obesas, pois pode trazer riscos à saúde da mãe e do bebê. Para planejá-la, é importante o uso de método contraceptivo e esperar o momento ideal para engravidar. Embora os estudos sobre o tema sejam controversos, a conclusão é que a obesidade compromete pouco ou nada o desempenho dos métodos anticoncepcionais.

A exceção é o adesivo transadérmico, cuja taxa de falha pode ser significativamente maior para mulheres com mais de 90 quilos. Outro ponto importante é que, ao iniciar um método hormonal, a proteção só é garantida após 14 dias, porque os níveis de progesterona demoram mais para se estabilizar em obesas.

Mulher obesa pensativa, em relação a dúvida sobre obesidade reduzir eficácia do anticoncepcional. Foto por Khorena Sanders no Unsplash.

Além disso, o implante contraceptivo pode ter eficácia por menos tempo para quem está acima do peso, mas os dados são conflitantes com outros estudos que demonstram não haver diferença na eficácia.

Em relação ao dispositivo intrauterino (DIU), as evidências apontam que o método é igualmente eficaz para usuárias com sobrepeso ou obesidade. Ou seja, mais de 99% de eficácia.

Quer esclarecer mais dúvidas como essa? Entre em contato comigo: